10 mitos revelados sobre a cirurgia de catarata

catarata

Fato ou Mito? O Dr. Ricardo Sallum responde pra você.

1 – Existem colírios capazes de curar a Catarata.

Não. Ainda não foi inventado um colírio cientificamente capaz de evitar o aparecimento da catarata. Trata-se de um envelhecimento natural do organismo.

2 – Atividades que exigem o esforço dos olhos agravam a Catarata.

Não existe nenhuma atividade normal que provoque o aumento da catarata. Entretanto, sabemos que a exposição à alguns tipos de radiações podem levar o desenvolvimento precoce da catarata. Dentre diversas recomendações de segurança, profissões que lidam com materiais radioativos necessitam de proteções oculares específicas.

3 – Catarata pode ser revertida naturalmente.

Por se tratar de um envelhecimento natural do cristalino, a cirurgia de catarata – com remoção do cristalino – prevalece como único tratamento.

4 – A catarata pode voltar após a cirurgia.

Uma vez feita a cirurgia da catarata, juntamente com o implante da lente intraocular artificial, o tratamento está finalizado. Não podemos confundir a opacificação da cápsula posterior do cristalino, que pode ocorrer passados alguns meses ou anos após a cirurgia da catarata, com o retorno da catarata de fato . Quando isso ocorre é perfeitamente resolvido com aplicação de laser no consultório. (Capsulotomia Posterior por YAG LASER)

Pós operatório

5 – A recuperação da Cirurgia de Catarata leva muito tempo.

Após operado o paciente permanece com o olho ocluído por 24 horas e, em média, a recuperação da sua visão é feita entre 7 e 15 dias. Os cuidados devem ser mantidos de acordo com a orientação de cada médico em média por 30 dias.

6 – É necessário que a catarata esteja avançada para realizar a cirurgia.

Existem 3 processos de avaliação antes de operarmos um paciente. O primeiro é pela baixa acuidade visual. O segundo é pela aparência da catarata (se ela está endurecendo), pois quanto mais dura ela estiver maiores os cuidados e mais delicada torna-se a remoção da catarata. E em terceiro lugar quando o aumento da pressão intraocular está sendo causada pelo inchaço do cristalino.

7 – A catarata pode ser removida através de laser.

Completamente não. Até o presente momento não existe tratamento a laser 100% efetivo. O Laser é aplicado juntamente com o processo de ultrassom (Facoemulsificação) e, por si só, ele não é capaz de fazer a remoção do cristalino.

8 – A catarata se desenvolve por cima do olho.

Não, isso é um mito. A catarata é uma opacificação de uma lente que temos dentro do nosso olho. Muitas pessoas confundem Catarata e Pterígio que é uma membrana conjuntiva que cresce sobre a córnea.

9 – Somente pessoas idosas desenvolvem Catarata.

Nada disso. Existem as cataratas congênitas em que o recém nascido já apresenta a doença. A catarata também se manifesta em pacientes jovens com infecções intra oculares, diabéticos ou portadores de doenças autoimunes. Nesses casos a catarata pode aparecer precocemente.

Diferenças entre oftalmologista e oculista

10 – Não há necessidade de usar de usar óculos após a Cirurgia de Catarata

Em 90% dos casos é possível eliminarmos o grau que o paciente tinha, tanto para longe quanto para perto. Tudo vai depender do tipo e do modelo da lente que vai ser implantada dentro dos olhos. Para que o grau seja excluído ou se torne praticamente insignificante, deve ser levado em conta os exames pré-operatórios, a técnica cirúrgica e o modelo da lente implantada.

 

Ainda tem alguma dúvida? Entre em contato com o Instituto de Medicina Ocular e agende uma consulta com o Dr. Ricardo Sallum.

 

Comentários

Comentários

Entre em contato

Entre em contato conosco e agende uma consulta. Será uma satisfação atendê-lo(a)!

Acesse Agora